1ª Etapa



A partida da Etapa 1 será dada às 15h00 do dia 22 de setembro (sábado), nas vinhas do lugar dos Anjos.
Os atletas seguem em direção à estátua de Cristóvão Columbo e iniciam a subida pelo percurso pedestre da Costa Norte PR1SMA, com passagem pela Baía da Cré, Barreiro da Faneca, Baía do Raposo e Bananeiras.
A partir deste ponto a subida continua utilizando o percurso pedestre da Grande Rota de Santa Maria GR01SMA, em direção ao Pico Alto, com passagem pelo caminho florestal do Alto, Casa do Guarda e marco geodésico do Pico Alto. Chegados ao ponto mais alto da ilha com 587 metros de altitude, os participantes iniciam a descida pelo caminho do Pico Alto, até ao entroncamento com a Estrada Regional EN1-2A.
Voltando à esquerda em direção à paragem dos Picos e seguindo pelo caminho de terra batida liga a Cruz dos Picos ao lugar do Forno. Neste ponto os atletas seguem à direita pelo caminho municipal do Forno, em direção à Cruz São Mor, voltando novamente à direita para iniciar a subida pelo caminho do Gamito, que levará os participantes ao lugar da Fontinhas (reta da Estrada Regional EN1-2ª).
A partir deste ponto seguem pela Estrada Regional EN1-2A em direção à Reserva Florestal das Fontinhas. Após passagem pela Reserva, voltam à direita na curva da Estrada Regional (junto aos Plátanos) em direção ao lugar das Casas Velhas.
A fase final faz-se maioritariamente a descer e novamente pelo percurso pedestre da Grande Rota de Santa Maria GR01SMA através do Caminho Velho dos Barreiros, até chegar à Estrada Municipal Praia/Fonte Jordão. Daqui o percurso faz-se pelo leito da Ribeira da Praia, passando pelo Forte de São João Baptista e marginal da Praia Formosa.
A meta está instalada no Parque de Campismo da Praia Formosa.

 

Perfil altimétrico - 1ª etapa

Desnível positivo - 1029m / Desnível negativo - 1011m



2ª Etapa



A partida da Etapa 2 será dada às 08h30 do dia 23 de setembro (domingo), no Farol de Gonçalo Velho, em direção à Baia da Maia. A partir da Maia, a subida até ao centro de Santo Espirito é feita pelo percurso pedestre da Grande Rota de Santa Maria GR01SMA, contemplando a passagem pelos quarteis de vinha da Maia, Risco da Maia e antigo moinho de vento da Lapa.
Chegados à Igreja de Santo Espirito os atletas seguem pela Rua do Museu, continuando a percorrer a Grande Rota de Santa Maria GR01SMA, em direção à Baía de São Lourenço, com passagem pelo Caminho do Pico, Santo António, Caminho do Boquete, Azenha de Baixo e Salto. A descida para São Lourenço é feita pelos quarteis de vinha da Ponta Negra.
A partir deste ponto o percurso é realizado através do trilho municipal da Areia Branca. A subida em direção ao centro de Santa Barbara é feita pelas vinhas da Fajãzinha, com passagem pela Terra Velha e caminho do Cemitério. Chegados à igreja de Santa Barbara os participantes mantém a subida através do Caminho da Boavista, percorrendo toda a cumeeira até ao Pico Alto, ponto mais alto da ilha com 587 metros de altitude.
A partir deste ponto o percurso faz-se maioritariamente a descer, seguindo pelo trilho do Avião em direção ao Farropo.
Após entroncamento com a Estrada Regional EN1-2ª, a descida prolonga-se através do trilho das Raízes até à bifurcação do Farropo. Voltando à direita os atletas seguem em direção à Praia Formosa até à Estrada Regional. A fase final faz-se pelo leito da Ribeira da Praia passando pelo Forte de São João Baptista e marginal da Praia Formosa.
A meta está instalada no Parque de Campismo da Praia Formosa.

 

Perfil altimétrico - 2ª etapa


Desnível positivo - 1370m / Desnível negativo - 1426m